Fluxo de Caixa e equilíbrio financeiro



Liquidez traduz, de certa forma, a capacidade que uma empresa tem para pagar suas obrigações.

Como estão distribuídos os prazos para pagamento de financiamentos, empréstimos, fornecedores e outras obrigações? Tudo isso é pertinente à liquidez de uma organização.

E para que a importância deste conceito fique clara, de maneira simples, devemos nos lembrar que o estudo da liquidez responde algumas perguntas e explica situações bem conhecidas dos empresários: “Por que estou me endividando se meu faturamento está cada vez mais alto?”; “Trabalho, faturo, mas nunca sobra dinheiro no caixa. Por quê?”; “Meu produto é bom e as vendas só crescem, mas estou sempre precisando recorrer a Bancos...”; “Minha empresa cresceu, mas ainda tenho dificuldades em pagar minhas contas...”

Nesse contexto, surgem as figuras da análise de Fluxo de Caixa e do Balanço Patrimonial, ferramentas vitais para a busca do equilíbrio financeiro da empresa. Sem o acompanhamento sistemático desses demonstrativos, o risco de liquidez não pode ser medido. E o que não é medido, não é controlado.

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo